Novembro: mês da Consciência Negra na Serra

As atividades vão até o dia 29 deste mês

Novembro: mês da Consciência Negra na Serra


Texto: Munik Vieira

Lembrar a histórica luta do povo negro por respeito, dignidade e identidade é o lema do Novembro Negro 2019, evento da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, por meio do Departamento de Igualdade Racial, que promove palestras, debates, seminários e apresentações culturais.

As atividades vão até o dia 29 deste mês. Segundo a secretária municipal de Direitos Humanos e Cidadania, Lourência Riani, nesta edição do evento permeiam o calendário temas como empoderamento da mulher negra, diversidade sexual, padrões estéticos, diálogo com alunos do ensino fundamental, igualdade e proteção dos direitos da população negra e intolerância.

“Algumas atividades do Novembro Negro também trabalharão questões relacionadas à mulher e à juventude, sempre com o viés racial. As atividades servem como um momento de reflexão e conscientização sobre a importância da cultura e do povo africano na formação da cultura nacional. O dia da Consciência Negra é um dia de reafirmar nossa luta pela valorização da cultura afro-brasileira, contra a discriminação e intolerância em escolas, espaços culturais e nas ruas”, disse.

Sobre a data

O dia 20 de Novembro, Dia da Consciência Negra, é uma homenagem a Zumbi dos Palmares, escravo que morreu lutando pela liberdade do seu povo no Brasil, em 1695. Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares, foi um personagem que dedicou a sua vida lutando contra a escravatura no período do Brasil Colonial, onde os escravos começaram a ser introduzidos por volta de 1594. Um quilombo é uma região que tinha como função lutar contra as doutrinas escravistas e também de conservar elementos da cultura africana no Brasil.

Confira a programação do mês:

NOVEMBRO NEGRO

CRONOGRAMA

ATIVIDADE

DATA

HORA

LOCAL

Diálogo aberto - empoderando a mulher negra e construindo padrões estéticos

14/11

8 às 12h

EMEF Antônio Vieira de Rezende - Central Carapina

Apresentação Cultural

14/11

14h

Ourimar

Diálogo com os alunos sobre Racismo e Extermínio da Juventude Negra

18/11

14h

EEEFM Getúlio Pimentel Loureiro - São Domingos

 

Encontro de Saberes na Comunidade Matriz Africana

 

21/11

 

14h

 

Vila Nova de Colares

 

 

Formação para Servidores da SEDIR - Racismo Institucional, Religião e Gênero

 

22/11

14 às 17h

Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania (Serra-Sede)

Diálogo aberto - empoderando a mulher negra e construindo padrões estéticos

25/11

18h

Cidade Continental

Setor África

Seminário Serra sem Racismo: igualdade e proteção dos direitos da população negra e outras formas de intolerância  

28/11

13 às 19h

CRAS Laranjeiras

Seminário Serra sem Racismo: igualdade e proteção dos direitos da população negra e outras formas de intolerância  

29/11

13 às 19h

CRAS Laranjeiras