Mais de 1.600 vagas de emprego em 3 meses na Serra

No período, o saldo de empregos formais ficou em 1.613. Houve 17.016 novas contratações, contra 15.403 demissões
Mais de 1.600 vagas de emprego em 3 meses na Serra
TEXTO: Samantha Dias  

Neste ano, de janeiro a março, o município da Serra teve mais de 1.600 vagas de emprego abertas, sendo o município capixaba que mais abriu postos no mercado de trabalho, segundo revelou o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, no levantamento do primeiro trimestre de 2019.

No período, o saldo de empregos formais ficou em 1.613. Houve 17.016 novas contratações, contra 15.403 demissões.

No Espírito Santo, o saldo de empregos formais no primeiro trimestre de 2019 ficou em 6.033 empregos com carteira assinada (88.332 admissões contra 82.299). No Brasil, houve abertura de 179.543 postos de trabalho. 

O secretário de Trabalho, Emprego e Renda da Serra, Roberto Carlos, disse que são mais oportunidades, mais emprego e renda para o morador do município. Ele lembrou que a Serra sempre se destaca quando o assunto é emprego, graças aos esforços da administração, entre outras coisas. Em 2018, a Serra foi a 10ª cidade do Brasil que mais gerou empregos.

Veja aqui.

Março

Considerando apenas o mês de março, a Serra teve saldo de 139 vagas, número que também coloca o município em primeiro lugar no Estado em número de vagas. Foram admitidas 5.154 pessoas, enquanto 5.015 foram demitidas.

No Espírito Santo, o cenário em março não foi tão favorável, pois o saldo ficou negativo em 843 vagas. Mesma situação aconteceu a nível Brasil, que teve saldo de -43.196 empregos.