Serra é a primeira cidade no ranking da geração de empregos no Estado

Serviços, comércio, construção e indústria impulsionam geração de empregos no município

Serra é a primeira cidade no ranking da geração de empregos no Estado


Texto: Marcos Sacramento - Foto: Freepik

A Serra foi o município que mais gerou empregos formais no Estado em 2023. Em setembro, o saldo entre admissões e demissões foi de 1.306 vagas, número que coloca a Serra em primeiro entre os 78 municípios do Espírito Santo. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados mensalmente pelo Ministério do Trabalho e Emprego. 

O município lidera também no acumulado entre janeiro e setembro, com saldo de 7.698 vagas, e no período compreendido entre os últimos 12 meses. Neste intervalo foram registradas 93.567 admissões, com saldo de 7.592 vagas. 

Do total das 7.981 admissões registradas em setembro, a maioria delas, 3.071, foram criadas pelo setor de serviços. As restantes se dividem respectivamente entre comércio, com 1.980 vagas; construção, com 1.508 e indústria, que gerou 1.415 vagas de emprego. 

“Esta liderança demonstra a solidez da Serra quando se fala em ambiência de negócios. É  resultado dos trabalhos da Prefeitura nos mais diversos campos, desde melhorias na estrutura da cidade a ações de desburocratização para atração de novos negócios. Nosso objetivo é melhorar ainda mais e continuar sendo um celeiro de oportunidades de trabalho e renda”, destaca o secretário de Desenvolvimento Econômico e Empreendedorismo, Ricardo Pandolfi. 

Os dados do Caged são divulgados mensalmente pelo Ministério do Trabalho e Previdência, sendo a principal fonte para análise da geração de empregos no país. As informações disponíveis são sempre referentes ao mês anterior ao da divulgação e referem-se às vagas formais de emprego.